Ligue: (62) 3095-(Ver Telefone)
Ligue: (62) 3095-7171
Share on FacebookGoogle+Tweet about this on Twitter
imagem

Liderança feminina – quando elas comandam, o que acontece no meio corporativo?

Liderança feminina é um tema amplamente discutido atualmente. Tanto que o título deste artigo destaca que não se trata de qualquer liderança. Falo de um grupo especial de pessoas. E este destaque não é pelo fato de sermos mulheres, mas por criarmos um estilo totalmente novo de comando.

Talvez lhe pareça subjetivo que uma mulher, CEO da própria empresa e líder de uma equipe de trabalho, dê voz a este assunto. É possível, inclusive, que considere desnecessário saber a minha opinião sobre isto. Mas justamente por causa da minha trajetória sei quais são os impactos que uma empresa enfrenta ao assumir uma mulher no comando.

Como a liderança feminina afeta o ambiente corporativo

1) Preconceitos em evidência

Seria extraordinário se pudéssemos conviver em paz e harmonia, sem preconceitos, não é mesmo? Infelizmente, a sociedade em que vivemos é imperfeita, assim como nós!

Quando se trata do meio corporativo, um dos preconceitos mais atuantes e evidentes é relativo à capacidade da liderança feminina. Isto gera insubordinação, especialmente por parte dos homens, ocasionando queda nos resultados.

Já ouviu comentários ou disse frases como: “ela só conseguiu o cargo porque tem um caso com o chefe”? Já se sentiu ofendido ou relutante quando uma colega foi promovida? Agiu sem consultar a coordenadora do seu departamento, justamente por ser uma mulher?

Estes são só alguns exemplos de insubordinação que muitas empresas enfrentam diariamente. Os prejuízos são incalculáveis, tanto em termos financeiros, como também de produtividade e de relacionamentos.

Uma dica valiosa:

Competência não depende de gênero, sexualidade, cor da pele ou religião. Competência só depende da capacidade que um ser humano tem de entregar resultados eficazes.

 2) Ambiente propenso à mudança

Quando assumi pela primeira vez a liderança de uma equipe de vendas implementei várias mudanças que resultaram na superação de todas as expectativas. Observo que essa realidade se propaga mundialmente.

Ao longo dos anos tivemos exemplos de várias outras empresas que admitiram a liderança feminina e obtiveram resultados extraordinários. Thirdy-One Gifts, Strategic Communications, WDS Inc., Cenergy, Magazine Luiza… São tantos exemplos que eu poderia passar semanas citando companhias que tiveram crescimentos fenomenais por terem líderes femininas.

Observe e aprenda:

Mulheres são seres inquietos e curiosos. Estas duas qualidades, quando combinadas, geram inovações bombásticas! Seja aberto às mudanças. Elas causam efeitos agradáveis e surpreendentes.

3) Firmeza nas decisões

Nos filmes, frequentemente as mulheres são representadas como chefes megeras e desagradáveis. Entretanto, poucos enxergam que, por trás de uma máscara de rigidez, essas mulheres enfrentaram muitos preconceitos e assédios antes de chegarem à liderança. Para se protegerem, muitas desenvolvem condutas vistas como agressivas no meio corporativo. Ironicamente, as mesmas atitudes seriam elogiadas, caso fossem reproduzidas por homens.

No meu caso em particular, consegui desenvolver a diplomacia de modo a não cair nesta situação. Mas compreendo aquelas que reagem de outra maneira. Há momentos em que devemos agir de forma mais enérgica, simplesmente por não haver comunicação.

Talvez sua líder não seja esse monstro que você esteja condicionado a pensar. Seja empático! Ela tem que provar sua capacidade e competência constantemente para estar ali . Vale ressaltar que o respeito cabe em qualquer lugar, independente de concordar ou não com o posicionamento alheio.

 

 

Fale com consultor